Nutrier Alimentos
  Home > Detalhe do Artigo
 

GUIA DE ESPÉCIE CULTIVÁVEIS

O Brasil tem uma demanda crescente para o consumo de peixes, com este foco é que a criação de peixes em cativeiro vem se tornando cada vez mais viável e até mesmo necessária, para tentarmos suprir nossa demanda interna e exportação.

As espécies mais cultivadas são de origem Nativa ou Exótica com alta adaptação ao nosso clima e condições de água e manejo. Vejam abaixo algumas espécies recomendadas:

Nativas

Pacu (Piaractus mesopotamicus)

molly-pacu

Origem: Brasil, Bacia do Paraná.
Hábito alimentar: Onívoro.
Limite de temperatura: 20 a 30°C.
pH ideal da água: 6 a 8.
Oxigênio dissolvido mínimo: 1,5 mg/l.
Sistema de cultivo: Monocultivo e policultivo.

Piau, Piau&cccedil;u, Piapara (Leporinus sp)

piau

Origem: Brasil.
Hábito alimentar: Onívoro.
Limite de temperatura: 18 a 30oC.
pH ideal da água: 6 a 8.
Oxigênio dissolvido mínimo: 2 mg/l.
Sistema de cultivo: Monocultivo e policultivo.

Curimatã ou curimba (Prochilodus scrofa)

26_303-CURIMBA

Origem: Brasil.
Hábito alimentar: Iliófaga.
Limite de temperatura: 20 a 30oC.
pH ideal da água: 6 a 8.
Oxigênio dissolvido mínimo: 1,0 mg/l.
Sistema de cultivo: Policultivo.

 Matrinchã, Piraputanga (Brycon sp)

1817458

Origem: Brasil, Bacia Amazônica, São Franscisco e Paraíba.
Hábito alimentar: Onívoro.
Limite de temperatura: 18 a 30oC.
pH ideal da água: 6 a 8.
Oxigênio dissolvido mínimo: 2 mg/l.

Pintado, Surubim (Pseudoplatystoma coruscan)

687_W400Q60I2SASRFHFVRLRRCLCTCRCB

Origem: Brasil.
Hábito alimentar: Carnívoro.
Limite de temperatura: >22 oC.
pH ideal da água: 6 a 8.
Oxigênio dissolvido mínimo: >3,5 mg/l.
Sistema de cultivo: Monocultivo.

Exóticas

Carpa cabe&cccedil;a grande (Aristichthys nobilis)

carpa

Origem: China.
Hábito alimentar: Zooplanctófaga.
Limite de temperatura: 16 a 30 oC.
pH ideal da água: 6 a 8.
Oxigênio dissolvido mínimo: >4,0 mg/l.
Sistema de cultivo: Policultivo.

Carpa capim (Ctenopharyngodon idella)

peixe_4_marta

Origem: China e sudeste da Ásia.
Hábito alimentar: Herbívora.
Limite de temperatura: 16 a 30 oC.
pH ideal da água: 6 a 8.
Oxigênio dissolvido mínimo: > 4,0 mg/l.
Sistema de cultivo: Policultivo.

Carpa prateada (Hypophthalmichthys molitrix)

peixe03

Origem: China.
Hábito alimentar: Fitoplanctófaga.
Limite de temperatura: 16 a 30 oC.
pH ideal da água: 6 a 8.
Oxigênio dissolvido mínimo: >4,0 mg/l.
Sistema de cultivo: Policultivo.

 Tilápia (Oreochromis niloticus)

0722132

Origem: África, Bacia do Nilo.
Hábito alimentar: Onívoro.
Limite de temperatura: 26 a 28 oC.
pH ideal da água: 6 a 8.
Oxigênio dissolvido mínimo: >1,0 mg/l.
Sistema de cultivo: Monocultivo e policultivo.

SISTEMA DE CRIAÇÃO

O peixe, ao contrário dos outros animais terrestres, pode ser criado de várias maneiras diferentes, dependendo das condições da propriedade, tipo de alimento, espécie considerada e aceitação de mercado. É possível dividir, didaticamente, o sistema de criação em Extensivo, Semi-extensivo e Intensivo.

- Piscicultura extensiva

Exploração em que o homem interfere o mínimo possível nos fatores de produtividade (apenas realiza o povoamento inicial do corpo d'água).

Caracteriza-se pela impossibilidade de esvaziamento total do criadouro, impossibilidade de despesca, ausência de controle da reprodução dos animais estocados, presença de peixes e aves predadoras, ausência de práticas de adubação, calagem e alimentação, alimentação apenas da produtividade natural e pela produtividade baixa, dificilmente ultrapassa 400 kg/ha/ano.

- Piscicultura semi-intensiva

Sistema de exploração em que o homem interfere em alguns fatores de produtividade, caracteriza-se pela possibilidade de esvaziamento total do criadouro, possibilidade de despesca, controle da reprodução dos animais estocados, ausência ou controle da predação, presença prática de adubação, calagem e, uma alimentação artificial (ração balanceada), manutenção de uma densidade populacional correta durante o período de cultivo, produtividade que pode chegar a 10 ton./ha/ano, é um sistema racional e econômico de produção recomendado para criação de peixes tropicais.

- Piscicultura intensiva

Sistema de exploração em que os fatores de produção são controlados pelo homem, caracteriza-se por apresentar densidade populacional elevada de peixes por volume d'água, alimentação artificial exclusivamente à base de rações balanceadas, demanda alta necessidade de fluxo de água ou uma recirculação forçada (tanques rede, por exemplo), por causa da alta densidade populacional, possui produtividade elevada, podendo ultrapassar 90 kg/m3/ano, é sistema racional de custo elevado, porém com produtividade que equivale ao alto custo, necessita de mão-de-obra especializada e alto nível de mecanização.